Porque é que a árvore de Natal natural vende mais do que a árvore artificial em Portugal?

Em Dezembro, a árvore de Natal toma o seu lugar na maioria das casas. É quando nos apercebemos que no coração dos Portugueses, a árvore natural vence a artificial. Porque é que as árvores reais vendem melhor do que as falsas? O seu especialista em vendas e entregas de árvores de Natal Mynatal.pt explica porquê.

A autenticidade da árvore de Natal natural versus o lado falso da árvore artificial

árvore natural versus árvore artificial Na mente da maioria das pessoas, o Natal é uma celebração da tradição. Por conseguinte, muitas pessoas não se podem imaginar a optar por qualquer outra árvore que não seja uma natural. Em comparação com a artificial, a verdadeira conífera tem uma autenticidade real e traz um pouco da floresta para dentro de casa. Nada transmite esta sensação vegetal melhor do que a sensação do tronco áspero ou dos espinhos macios de um abeto natural de Nordmann.

Em contraste, uma árvore de Natal artificial, mesmo de excelente qualidade, dará sempre uma impressão falsa, quanto mais não seja porque é demasiado regular e os ramos estão dispostos de forma demasiado quadrada.

Uma árvore de Natal que é sempre diferente todos os anos

Escolher uma árvore natural significa também dizer não à monotonia. O prazer de descobrir a árvore é renovado todos os anos. Uma vez terminadas as festividades, a árvore artificial é guardada na sua caixa para ser substituída em Dezembro. Por outro lado, a árvore natural de 2018 será diferente da de 2017. Talvez seja menos cónico, menos alto ou mais arbustivo, mais verde ou mais azul.
A árvore natural: reciclável e amiga do ambiente

Algumas pessoas pensam que ao comprar uma árvore artificial estão a salvar o planeta. Não é este o caso.

Durante o seu crescimento, que pode durar de 5 a 10 anos, uma árvore produz oxigénio a partir do dióxido de carbono. Isto é vulgarmente conhecido como fotossíntese. Uma plantação de coníferas tem, portanto, um papel importante a desempenhar na redução do efeito estufa.

A árvore natural: reciclável e amiga do ambiente

Algumas pessoas pensam que ao comprar uma árvore artificial, estão a proteger o planeta. Não é este o caso.

Durante o seu crescimento, que pode durar de 5 a 10 anos, uma árvore produz oxigénio a partir do dióxido de carbono. Isto é vulgarmente conhecido como fotossíntese. Uma plantação de coníferas tem, portanto, um papel importante a desempenhar na redução do efeito estufa.

Um verdadeiro abeto é biodegradável e, portanto, reciclável. Comprar uma árvore natural Nordmann permite-lhe fazer um gesto ecológico e social. Pode ser transformado em aparas de madeira ou composto e terminar a sua vida sem danificar o nosso ambiente.

As árvores artificiais são muitas vezes feitas de plástico. Uma matéria-prima derivada do petróleo. O seu processo de concepção é intensivo em termos energéticos e liberta dióxido de carbono, o que contribui para o chamado efeito de estufa. Não pode ser reciclado e irá um dia juntar-se aos outros resíduos plásticos nos contentores de reciclagem.

Quer receber uma árvore de Natal natural para a época festiva de 2017?

Encomende a sua árvore de Natal no Mynatal.pt e tire partido do serviço de entrega ao domicílio. Contacte-nos para mais informações. Oferecemos a possibilidade de fazer um orçamento personalizado para a sua casa, o seu espaço público ou a sua empresa.

Deixe um comentário